Prefeitura de Altamira apresenta relatório do Censo Arbóreo que está catalogando as árvores do município

0

Ao longo de 2023, a Prefeitura de Altamira, por meio da Secretaria Municipal da Gestão de Meio Ambiente desenvolveu o Censo Arbóreo em Altamira e em parceria com as Universidades Federal e Estadual um projeto inovador dividido em duas etapas: o plantio de espécies para enriquecer a vegetação urbana e o levantamento do “Censo Arbóreo”. Embora ambas as fases ainda estejam em andamento, já podemos destacar um progresso notável na cidade.

Esta iniciativa da Prefeitura de Altamira, em parceria com as Universidades Estadual e Federal do Pará, visa mapear e catalogar todas as árvores do município. Entre 29 de setembro e 15 de dezembro de 2023, catalogamos 3.063 árvores em diversos bairros.

Na primeira fase do Censo Arbóreo, a Secretaria Municipal da Gestão de Meio Ambiente realizou vistorias para avaliar sobrevivência, desenvolvimento, danos naturais e vandalismo. Simultaneamente, foram plantadas 440 mudas de diversas espécies em diferentes bairros, como Ipê Rosa, Ipê Amarelo, Ipê Roxo, Ipê Branco e Macharimbé.

Os bairros beneficiados nessa fase incluem Jardim Uirapuru, Premem, Esplanada do Xingu, Centro, Sudam I, Mutirão, Jardim Altamira, Aparecida e Brasília. Apesar de 11,13% das mudas terem sido perdidas, principalmente devido à estiagem, 391 estão em desenvolvimento.

Todas as mudas foram equipadas com grades e placas, embora 24 grades tenham sido danificadas e 79 removidas, total ou parcialmente, por vandalismo ou causas naturais. Destaca-se a importância da participação da sociedade civil e de órgãos públicos para garantir o sucesso dessa ação sustentável.

É crucial promover mais informações sobre o Censo Arbóreo à população, destacando a importância da Educação Ambiental. Palestras, campanhas publicitárias e métodos educacionais variados podem desempenhar um papel fundamental nesse sentido.

Além do mapeamento e plantio em 2023, planejamos a segunda fase para janeiro de 2024, com o objetivo de plantar 2 mil mudas, coincidindo com o período chuvoso. Os bairros selecionados, como São Joaquim e Jatobá, foram identificados durante o mapeamento e serão os primeiros bairros contemplados com as mudas em 2024.

O Censo Arbóreo é essencial para compreender as condições atuais e futuras da arborização urbana, garantindo segurança quanto à sustentabilidade e qualidade de vida. Ao priorizar o meio ambiente, promovemos a sustentabilidade e melhoramos a qualidade de vida dos habitantes.

O compromisso de sustentabilidade da Prefeitura de Altamira destaca-se ao proporcionar educação ambiental e qualidade de vida aos altamirenses, além de reforçar a importância de preservar e expandir a vegetação na cidade.

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade