Editais culturais do Estado são divulgados em Altamira

0

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, para cada 1 real investido na cadeia produtiva da cultura, ela pode chegar a devolver de 16 a 18 reais, fazendo com que a economia mantenha o diálogo com a produção cultural na região.

A Prefeitura Municipal de Altamira, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (SECULT), realizou na manhã da quarta-feira, 16/03, o lançamento de editais culturais pela Fundação Cultural do Pará e Associação dos Municípios do Oeste do Pará (AMUT), no auditório da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), com o objetivo de fomentar e divulgar a cultura em todo o município.

Durante o evento, foram apresentadas várias propostas e iniciativas para que os editais cheguem a quem faz cultura de Altamira e toda a região do Xingu.

O evento contou com diversas apresentações de grupos culturais como a escola de dança Ballet Art, a banda da Escola de Música de Altamira e o grupo de carimbó Cisne Branco, mostrando a importância da arte na vida das crianças e jovens dentro do município.

A prefeitura de Altamira reafirma, com essas iniciativas, a obrigação de fazer a gestão, o fomento, o apoiamento, o patrocínio e a divulgação da arte e da cultura locais, pois, esse é o papel da gestão.

Editais divulgados

O evento que contou com a presença da Coordenadora de Cultura do Estado, Juliana Sinimbú, e outros representantes do Governo do Pará, além de representantes das secretarias municipais de Cultura e de Esporte e Turismo de Altamira, Anapu, Brasil Novo, Vitória do Xingu, Pacajá, Porto de Moz e Senador José Porfírio, apresentou os editais de cultura que estão abertos para inscrição.

O edital Nº14/2020-FCP é voltado para área de leitura e informação, que trabalha a potencialização do escritor local e tem como meta distribuir R$ 540 mil em livros de autores paraenses, kits direcionados às bibliotecas públicas, escolares, hospitalares e prisionais. Serão 31 livros publicados através desse edital, com o investimento de 20 milhões de reais.

Já o Prêmio Boas Práticas em Bibliotecas Comunitárias, edital Nº 001/2022 – FCP, vai premiar o reconhecimento das ações e atividades culturais realizadas por pessoas físicas, com atuação comprovada em projetos de incentivo à leitura em bibliotecas ou de forma itinerante, há pelo menos 12 meses, com premiação individual no valor de 20 mil reais e um investimento global de R$ 420 milhões.

Além disso, foi lançado também o edital Nº002/2022-FCP, chamado Prêmios Literários 2022, que premiará 33 obras destinadas ao fomento da produção literária no estado, através de obras inéditas e outras categorias como: conto, dramaturgia, cordel, literatura infantil, literatura juvenil, poesia, romance, crônicas, crítica literária em literatura paraense, histórias em quadrinhos e literatura indígena, com prêmio individual no valor de 15 mil reais.

Os editais da FCP desenvolvidos pela diretoria de Leitura e Informação permitem maior universalização do acesso à leitura nas bibliotecas, comprometidos com o desenvolvimento cultural, educacional e social do Pará.

Após a divulgação dos editais, nos dias 17 e 18 de março, serão ofertadas oficinas e esclarecimentos diversos, ocasião em que gestores e técnicos da cultura regional serão instruídos por workshops de adesão, implementação e fortalecimento de sistemas municipais de cultura.

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade