Presente de Natal: Yamandu Costa, violonista vencedor do Grammy Latino, visita ‘Projeto Esperança’ e ‘Escola de Música’

0

Atração da abertura do ‘Presente de Natal’, Yamandu Costa, violonista brasileiro de carreira internacional, visitou nesta sexta-feira, 1° de dezembro, crianças atendidas pelo ‘Projeto Esperança’. No encontro, Yamandu dedilhou canções que há décadas habitam o imaginário popular, e se firmam como parte da raiz musical brasileira.

Ao conversar com as mãos de 50 crianças presentes na sede do projeto, localizada no Centro de Convenções e Cursos, bairro Premem, o violonista destacou que a música instrumental ajuda no desenvolvimento humano. “Aprendam a tocar pelo menos um instrumento. Não precisa viver disso [da música], mas toquem para seus amigos”, compartilhou com os alunos do Esperança.

Logo após se encontrar com meninos e meninas do ‘Projeto Esperança’, Yamandu Costa foi recepcionado por alunos de outra iniciativa da gestão ‘Mais Vida, Mais Futuro’.

Na Escola Municipal de Música, também na área central de Altamira, o violonista compartilhou histórias com mais de 30 jovens atendidos no espaço administrado pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult), com recursos do município.

Yamandu Costa se apresenta neste sábado, 2 de dezembro, às 20h, no palco da Concha Acústica, na Orla do Cais. Antes do violonista, Altamira será iluminada com o acender das luzes em um espetáculo que terá ainda a participação do Coral Esperança.

Mais do ‘Presente de Natal’

Ainda na programação do ‘Presente de Natal’ edição 2023, a Prefeitura de Altamira prepara uma linda festa para recepcionar o Papai Noel. O bom velhinho vai desfilar acompanhado de fanfarra e outros projetos da Prefeitura, na Orla.

O destino de Noel será a casa aconchegante, montada pela gestão municipal, também na Orla do Cais. Papai Noel ficará em Altamira até o fim do Presente, e vai receber crianças, papais e mamães todas as sextas, sábados e domingos, até o encerramento do projeto, em 2 de janeiro.

 

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade